Última hora

Última hora

Manifestações em Espanha contra visita papal

Em leitura:

Manifestações em Espanha contra visita papal

Tamanho do texto Aa Aa

A visista do Papa a Espanha foi pretexto para manifestações, em Barcelona e em Santiago de Compostela, a favor da laicidade do Estado.

De acordo com as agências, o protesto da Catalunha juntou cerca de 2500 pessoas.

Os manifestantes exigiram das autoridades absoluta neutralidade, perante a visita, em nome da “diversidade de princípios morais”, como disse um dos promotores:
“Não questionamos que o Papa de Roma possa vir a Barcelona, sempre que quiser. Queremos é que as instituições se mantenham neutras, perante este acontecimento O que nós contestamos é que as autoridades públicas participem nos cultos de uma única religião. E issso que nós denunciamos, porque viola a neutralidade das instituições”.

A manifestação questionou também os gastos, estimados em 700 mil euros.

De Barcelona, o Papa seguirá para Santiago de Compostela, onde esta quinta-feira também se protestou.

Mas nem tudo correu bem, numa manifestação convocada por movimentos gay e feministas.

A polícia ddispersou os manifestantes que pretendiam desfilar, num percurso não autorizado.

Em Santiago de Compostela, estão a alugar-se apartamentos a 4000 euros por dia, durante a visita do Papa.