Última hora

Última hora

Cameron pede flexibilidade à China

Em leitura:

Cameron pede flexibilidade à China

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro britânico David Cameron pediu à China que aumentasse a flexibilidade da política monetária, para permitir novas subidas no yuan.
 
O pedido junta-se à voz de quase todo o Ocidente. Foi feito numa conferência na Universidade de Pequim, onde Cameron está de visita, acompanhado por uma grande comitiva empresarial, antes de seguir para a cimeira do G20 em Seoul.