Última hora

Última hora

Crise política em Itália adiada

Em leitura:

Crise política em Itália adiada

Tamanho do texto Aa Aa

Umberto Bossi, líder da Liga do Norte, aliado de Silvio Berlusconi afirmou, esta quinta-feira, que é possível formar-se um novo governo sob a liderança do Cavaliere.

Isto depois de falar com Gianfranco Fini, presidente da Câmara dos Deputados, que pediu a demissão, esta semana, do chefe do Governo.

Berlusconi afastou a ideia de demissão.

Gianfranco Fini afirmou estar à espera da resposta do primeiro-ministro quanto às exigências que apresentou no último domingo, num comício em Basta Umbra, perto de Perugia.

Fini disse que espera que Berlusconi regresse da Cimeira do G20 de Seul para lhe comunicar se mantém ou não no governo, os quatro ministros que lhe são favoráveis.

Caso Fini retire o apoio ao actual primeiro-ministro, o chefe de governo terá de demitir-se e solicitar eleições antecipadas.

Esta instabilidade política está a afectar o império dos media de Silvio Berlusconi.

Nos últimos dois dias as acções da Mediaset perderam quase 10 por cento do seu valor de mercado.