Última hora

Última hora

Epidemia de cólera gera tensão no Haiti

Em leitura:

Epidemia de cólera gera tensão no Haiti

Tamanho do texto Aa Aa

A situação continua tensa no Haiti, onde já morreram mais de mil pessoas com cólera.

Segunda-feira, houve confrontos entre manifestantes e capacetes azuis em Cap-Haitien e Hinche. Duas pessoas morreram e pelo menos vinte ficaram feridas.

A ONU reconheceu ter disparado, em legítima defesa, sobre um dos homens que morreu. Uma versão contrariada por um oficial local.

Em Hinche, centenas de pessoas apedrejaram os capacetes azuis nepaleses, acusados de terem levado a cólera para o Haiti.

“Falsos rumores”, garante o exército nepalês, baseando-se no resultado de testes sanitários. Mas o tipo de cólera existente no Haiti é compatível com um do sul da Ásia.

Esta terça-feira, as Nações Unidas atribuíram os ataques contra forças haitianas e da ONU a uma série de elementos políticos e criminosos, que procuram sabotar as eleições previstas para 28 de Novembro.