Última hora

Última hora

Mais de 150 mortos em debandada no Cambodja

Em leitura:

Mais de 150 mortos em debandada no Cambodja

Tamanho do texto Aa Aa

Na capital do Cambodja, pelo menos 180 pessoas morreram vítimas de uma debandada.

O número foi confirmado pelo primeiro-ministro do país, mas há receios que o balanço venha a aumentar.

O acidente aconteceu quando uma multidão se empurrou para sair de uma ponte que liga Phnom Penh, a capital, a Diamond Island, uma pequena ilha onde se realizavam as celebrações do encerramento do Festival da Água.

Muitos dos que participavam do festival estão em lágrimas e começaram a rumar para o hospital da cidade.

O Festival da Água, um dos maiores e mais exuberantes do Camboja, marca a inversão do fluxo entre os rios Tonle Sap e Mekong.

Também é visto como uma forma de agradecer ao rio por ter dotado o país de terras férteis e abundância de peixe.

Nos últimos três dias milhares de pessoas reuniram-se para participar nas regatas anuais, espectáculos e para assistir aos fogos de artifício.