Última hora

Última hora

Coreia do Sul recusa negociações com o Norte

Em leitura:

Coreia do Sul recusa negociações com o Norte

Tamanho do texto Aa Aa

Depois da artilharia, a guerra agora é de palavras, entre Seul e Pyongyang.

O presidente da Coreia do Sul reuniu-se com os altos comandos miliatres.

No final, reagiu e acusou os vizinhos do Norte de atacarem a população civil. E recusou qualquer negociação com o norte:

“Mesmo que fizessemos centenas de reuniões não resultariam. Penso que é um dever do exército responder com acções. Especialmente, porque não podemos tolerar ataques injustificados contra os nossos civis, como aconteceu mais uma vez”.

Um declaração feita no Ministério da Defesa, em Seul.