Última hora

Última hora

Medvedev denuncia "estagnação da política russa"

Em leitura:

Medvedev denuncia "estagnação da política russa"

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente russo tenta sair da sombra de Vladimir Putin ao denunciar, “a ruinosa estagnação do sistema político nacional”.

Dmitry Medvedev que poderá defrontar o actual primeiro-ministro nas próximas presidenciais em 2012, teceu duras críticas ao partido governamental Rússia Unida no seu blog pessoal na Internet.

Uma forma, segundo os analistas, de lançar a campanha para a recandidatura, baseada na promessa de mais reformas democráticas.

“Não é segredo para ninguém que a vida política no nosso país começa a dar sinais de estagnação, uma situação que afecta de igual forma o partido no poder, assim como a oposição”.

Uma denúncia que, para muitos analistas, não passa de uma operação de cosmética.

Eleito em 2008 como um símbolo de abertura do regime, Medvedev não conseguiu até hoje demarcar-se da política de Vladimir Putin, apesar de ter vetado nos últimos meses várias decisões aprovadas pelo partido maioritário no parlamento, como a lei que impunha limites ao direito de manifestação.