Última hora

Última hora

Adolescentes sobrevivem 50 dias à deriva no Oceano Pacífico

Em leitura:

Adolescentes sobrevivem 50 dias à deriva no Oceano Pacífico

Tamanho do texto Aa Aa

Os três adolescentes encontrados esta quarta-feira ao largo da costa das ilhas de Fiji estão de volta a terra firme.
 
Com idades compreendidas entre os 14 e 15 anos, os jovens sobreviveram a 50 dias à deriva no Oceano Pacífico graças à ingestão de cocos e de uma gaivota. Beberam também água da chuva e mais tarde do mar.
 
Oriundos das ilhas Tokelau, estavam desaparecidos desde Outubro, após terem partido, num barco de alumínio, para uma viagem de pesca.
 
“Na viagem de regresso à Nova Zelândia, o San Nikanau parou para pescar em Tuvalu. Os pescadores localizaram os jovens e acolheram-nos a bordo. Uma vez que faziam a rota em direcção à Nova Zelândia, ficaram no hospital mais próximo, nas ilhas Fiji”, diz Francis Kean, comandante da marinha nas ilhas Fiji.
 
Os jovens chegaram a ser dados como mortos, mas o resgate por um barco pesqueiro faz muitos acreditar num milagre.
 
Quando foram encontrados, estavam num estado de profunda desidratação e apresentavam várias queimaduras. Uma história que termina com um final feliz.