Última hora

Última hora

Barroso desmente que haja "pressões" para Portugal pedir ajuda

Em leitura:

Barroso desmente que haja "pressões" para Portugal pedir ajuda

Tamanho do texto Aa Aa

Durão Barroso desmente ter havido pressão para Portugal pedir ajuda à União Europeia e ao Fundo Monetário Internacional.

O presidente da Comissão Europeia falou aos jornalistas esta sexta-feira, na sede da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) em Paris.

“Posso afirmar que é absolutamente falsa qualquer referência a um plano de ajuda a este país”, garantiu. “Não foi pedido nem nós o sugerimos. É totalmente falso”.

Durão Barroso reagiu assim à notícia do “Financial Times Deustschland” de que o país estaria a ser alvo de pressões por parte do Banco Central Europeu e da maioria dos países da zona euro para pedir ajuda.

O desmentido surge no dia em que Portugal aprovou o Orçamento de Estado, que define como meta não ultrapassar um défice de 4,6 por cento em 2011.

Para o primeiro-ministro português a aprovação do Orçamento deve contribuir para aumentar a confiança dos mercados. José Sócrates disse ainda que a Europa tem de “encontrar um caminho seguro para defender a moeda única”.