Última hora

Última hora

Irlanda: futuro do governo nas mãos de dois deputados

Em leitura:

Irlanda: futuro do governo nas mãos de dois deputados

Tamanho do texto Aa Aa

O executivo irlandês mais frágil que nunca. Em plena crise económica, o partido governamental Fianna Fail viu a maioria no parlamento reduzida a apenas dois lugares.

A formação foi derrotada esta sexta-feira pela oposição do Sinn Feinn nas legislativas parciais realizadas no Noroeste do país.

Uma derrota que poderá dificultar a aprovação do plano de austeridade económica do governo que deverá começar a ser discutido no Parlamento no dia 7 de Dezembro.

O primeiro-ministro Brian Cowen depende agora de dois deputados independentes que já afirmaram que poderão chumbar o orçamento.

A proposta que prevê cortes nas ajudas sociais, aumento de impostos e supressão de 25 mil empregos na função pública, aumenta a revolta da população.

O partido Sinn Feinn e os principais sindicatos convocaram para esta manhã, uma manifestação em Dublin contra o plano de austeridade.

Um protesto que ocorre na véspera do FMI e da União Europeia anunciarem a atribuição de um empréstimo de 85 mil milhões de euros ao país.