Última hora

Última hora

Aumenta a tensão na península Coreana

Em leitura:

Aumenta a tensão na península Coreana

Tamanho do texto Aa Aa

A Coreia do Norte afirmou hoje que dispõe de “vários milhares de centrifugadoras” num complexo de enriquecimento de urânio. Pyongyang revelou, num órgão de comunicação local, que se destinam a fins pacíficos.

A 12 de Novembro um cientista norte-americano visitou a fábrica situada no complexo nuclear de Yongbyon, que foi reactivado pela Coreia do Norte, apesar das sanções impostas pela ONU.

Estas revelações acontecem uma semana após o ataque à ilha sul coreana de Yeonpyeong, no Mar Amarelo.

O conflito de 23 de Novembro elevou a tensão na região e provocou quatro mortos, dois soldados e dois civis.

Em resposta ao ataque da Coreia do Norte os Estados Unidos e a Coreia do Sul iniciaram, no domingo passado, um exercício naval que termina amanhã.

Na zona encontra-se o porta-aviões nuclear “Georges Washington”, com 6 mil militares e 75 aviões a bordo. O exercício conjunto envolve uma dezena de navios de guerra, incluindo “destroyers”, fragatas e aviões anti-submarino.

Pyongyang prometeu que caso haja qualquer intrusão no espaço marítimo do país, a Coreia do Norte responderá com um “contra-ataque militar sem piedade.”