Última hora

Última hora

A dificuldade de anunciar resultados eleitorais na Costa do Marfim

Em leitura:

A dificuldade de anunciar resultados eleitorais na Costa do Marfim

Tamanho do texto Aa Aa

A comissão eleitoral na Costa do Marfim não conseguiu anunciar os resultados do escrutínio de Domingo.

O porta-voz foi impedido de falar por partidários do presidente Laurent Gbagbo.

A oposição liderada pelo ex-primeiro ministro, Alassane Ouattara, reivindica vitória e acusa o chefe de Estado de bloquear o processo eleitoral.

Os observadores internacionais reconhecem a existência de incidentes mas consideram que a votação foi bem conduzida.

A Costa do Marfim vive um período de forte instabilidade. Há cinco anos que o país aguardava as eleições – adiadas seis vezes desde o fim do mandato de Laurent Gbagbo.

Na capital Abidjan, a população receia sair à rua.

Os dados dos observadores internacionais indicam que, no Domingo, a participação eleitoral foi inferior à da primeira volta.