Última hora

Última hora

Seul receia outro ataque de Pyongyang

Em leitura:

Seul receia outro ataque de Pyongyang

Tamanho do texto Aa Aa

A Coreia do Sul terminou as manobras militares conjuntas com os Estados Unidos e receia um novo ataque da vizinha Coreia do Norte.

Os exercícios militares de Seul serão retomados na próxima semana nas ilhas do mar amarelo, próximo da fronteira marítima disputada pelas duas coreias.

Já esta sexta-feira, os Estados Unidos iniciam as manobras militares de treino com o Japão e, ainda em Dezembro, voltam a realizar exercícios com as forças sul-coreanas.

Apesar de todos estes exercícios estarem previstos antes do ataque à ilha de Yeonpyong, Seul teme a reacção da Coreia do Norte:

O presidente da comissão parlamentar de segurança fala de “diversos sinais” e afirma que ainda que não sejam muito sérios, não podem ser ignorados. “Depois do exercícios militares conjuntos, esperamos qualquer tipo de provocação da Coreia do Norte”, acrescentou.

O executivo de Seul está sob forte pressão.

Os sul-coreanos estão revoltados com a falta de reacção do governo, que acusam de ter negligenciado em Agosto as informações dos serviços secretos que indicavam que Pyongyang se preparava para atacar as ilhas fronteiriças.