Última hora

Última hora

Homem forte do FMI na Grécia

Em leitura:

Homem forte do FMI na Grécia

Tamanho do texto Aa Aa

O Presidente do Fundo Monetário Internacional chegou, esta terça-feira, à Grécia para uma visita de dois dias, numa altura em que o país está a renegociar os termos para devolver a ajuda de 110 mil milhões de euros.

Atenas tem agora até 2021 para pagar o empréstimo concedido em Maio pelo FMI e pela União Europeia, mas vai ter de pagar juros mais elevados.

Para receber as ajudas de Bruxelas e do FMI, Atenas comprometeu-se a reduzir o défice orçamental. Uma factura que os gregos se recusam a pagar.

“Estas políticas estão a arruinar os reformados e estamos aqui para demonstrar o nosso descontentamento. Estas políticas servem os ricos, não os reformados” afirma um pensionista.

Milhares de pessoas manifestaram-se nos últimos meses contra as medidas de austeridade.

O Governo grego anunciou, recentemente, que o défice para 2010 vai ficar acima das previsões.