Última hora

Última hora

Moody's corta rating da Irlanda

Em leitura:

Moody's corta rating da Irlanda

Tamanho do texto Aa Aa

Os esforços da Europa para combater a crise da dívida parecem não convencer a Moody’s. A agência de notação financeira cortou o “rating” da Irlanda em cinco níveis, apesar do resgate concedido ao país pela União Europeia e o Fundo Monetário Internacional.

A notícia do corte surgiu durante a realização do Conselho Europeu, em que foi criado um mecanismo permanente de apoio aos países do euro. Para o analista Robert Halver, isto não é suficiente: “Haveria uma solução para a crise, mas apenas uma de longo alcance: os Estados Unidos da Eurolândia. Essa é a solução. Caso contrário, os mercados não ficarão satisfeitos. Se continuarmos a ter galinhas sem cabeça – 16 galinhas malucas não conseguem manter uma frente comum de defesa – e se as pessoas estão satisfeitas por ter sido alcançado um compromisso mínimo, que poderia ter sido atingido em qualquer conferência telefónica, então, não devemos ficar surpreendidos por sermos o motivo de chacota dos mercados financeiros”.

A Moody’s alertou que mais cortes podem acontecer se Dublin não for capaz de estabilizar os problemas da dívida.

A agência de notação financeira está também a rever os ratings de Grécia e Espanha. E a Standard & Poor’s avisou que pode cortar a nota de crédito da Bélgica no próximo ano.