Última hora

Última hora

Natal movimenta milhões em todo o mundo

Em leitura:

Natal movimenta milhões em todo o mundo

Tamanho do texto Aa Aa

A quadra natalícia tornou-se para muitas empresas a época mais importante do ano.

O mau tempo, na Europa, fez com que as compras de Natal fossem adiadas à espera de melhores condições meteorológicas.

A neve concedeu tréguas e as ruas e espaços comerciais enchem-se um pouco por todo o continente.

A Visa Europa prevê efectuar, esta quinta-feira, cerca de 38 milhões de transacções e que cerca de 2 mil milhões de euros serão gastos com cartões de crédito, por todo o continente. Segundo a empresa regista-se um aumento, relativamente a 2009, apesar da crise que se faz sentir.

Os portugueses não fogem à regra e, de acordo com a SIBS, em apenas 21 dias movimentaram, na rede multibanco, cerca de 4 mil milhões de euros, mais 4,3 por cento que no ano passado.

No outro lado do Atlântico, nos Estados Unidos, a quadra natalícia anima também as lojas, como confirma a vice-presidente da Bloomingdales, Marian Goodman. “O que é realmente bom nesta época é que as pessoas se divertem nas compras.”

Se até aqui o Natal era uma data celebrada principalmente no mundo Ocidental, hoje essa realidade deixa de ser verdade.

A China adoptou o natal como mais uma festa e com grande potencial económico, como evidencia uma comerciante de Pequim: “Os negócios durante o Natal são muito melhores do que durante o Ano Novo Chinês, pois comemorar o Natal está a tornar-se numa verdadeira moda aqui na China. O país está a ficar mais ocidentalizado. As ofertas de Natal nos bares e restaurantes tornaram-se muito importantes para os clientes.”

Depois de anos a fornecer os mercados ocidentais com os mais variados produtos para celebrar o Natal, a China abraça a magia própria da época e enche as ruas de luz e muita cor.