Última hora

Última hora

Brasil: tragédia na zona serrana do Rio podia ter sido evitada

Em leitura:

Brasil: tragédia na zona serrana do Rio podia ter sido evitada

Tamanho do texto Aa Aa

A chuva voltou a cair este sábado na zona serrana do Rio de Janeiro, onde o saldo de vítimas das inundações dos últimos dias já ascende a mais de 600 mortos.

Em Nova Friburgo, uma das cidades mais afetadas pelas enxurradas, as autoridades tentam enterrar o máximo de cadáveres para evitar o risco do aparecimento de epidemias.

Uma corrida contra o tempo para enterrar os mortos, resgatar as centenas de cadáveres ainda soterrados e alojar mais de 14 mil refugiados.

O Brasil declarou três dias de luto pelas vítimas das enxurradas, num momento em que povoações inteiras encontram-se ainda totalmente isoladas.

Segundo o jornal Folha de São Paulo a tragédia poderia ter sido evitada.

Um estudo realizado em 2008 alertava já para a necessidade de deslocar os milhares de habitantes das zonas de risco, em Nova Friburgo, Teresópolis e Petrópolis, as cidades mais afetadas pelas cheias.

O coordenador da proteção civil do Rio reconhecia também falhas ao nível do alerta emitido pelos serviços meteorológicos que referia apenas a possibilidade de “chuvas moderadas ou fortes” na zona serrana.