Última hora

Última hora

Ex-bancário entrega lista de clientes a WikiLeaks

Em leitura:

Ex-bancário entrega lista de clientes a WikiLeaks

Tamanho do texto Aa Aa

O ex-bancário, Rudolf Elmer, entregou hoje ao fundador do WikiLeaks dois CDs com informações de 2000 clientes que fugiram ao fisco. Na lista constam nomes de empresários, políticos e artistas de todo o mundo.

Rudolf Elmer foi chefe de operações do banco Julius Baer nas ilhas Caimão. Demitido em 2002, Elmer começa a ser julgado na quarta-feira, na Suíça por violação do sigilo bancário.

Apesar das consequências o WikiLeaks pareceu-lhe ser a derradeira opção. “Estava quase a desistir até que um amigo me disse: “Há o WikiLeaks”. Estudei-o e depois estabeleci contacto. Esta é a minha única esperança de conseguir transmitir à sociedade o que se está a passar,” confirma.

O fundador do WikiLeaks afirmou que todas os dados serão verificados e que apenas publicará os casos em que haja indícios de evasão fiscal.

Julian Assange toma assim medidas para evitar possíveis processos judiciais.“Tivemos mais ameaças legais e tentativas de processos judiciais por parte de bancos do que de quaisquer outras organizações. Nenhum deles foi bem-sucedido e espero que assim continue”.

Julian Assange encontra-se com a liberdade condicionada até que os tribunais britânicos se pronunciem sobre o pedido de extradição por parte das autoridades Suecas. O que sucederá em fevereiro.

O fundador do WikiLeaks enfrenta acusações de delitos sexuais, alegadamente cometidos em agosto passado.