Última hora

Última hora

Arábia Saudita abandona mediação no Líbano

Em leitura:

Arábia Saudita abandona mediação no Líbano

Tamanho do texto Aa Aa

A Arábia Saudita abandonou a tentativa de mediação na crise política libanesa.

Ontem foram efetuadas reuniões entre os ministros dos Negócios Estrangeiros da Turquia e do Qatar com o líder do Hezbollah libanês, Hassan Nasrallah.

Nas ruas de Beirute reina a calma e a confiança numa resolução para crise governativa: “A Arábia Saudita tem muitos interesses no Líbano.

É impensável ela abandonar o Líbano. Talvez seja uma forma de pressão política”, desdramatiza um libanês.

Riade decidiu retirar os seus esforços de mediação, uma vez que os contactos entre o rei Abdallah, da Arábia Saudita, e o presidente sírio, Bachar al-Assad, não tiveram sucesso.

No domingo, Nicolas Sarkozy propôs a criação de um grupo de contacto entre países dispostos a encetar esforços comuns para ajudar o Líbano a superar a crise governamental.