Última hora

Última hora

WikiLeaks: Elmer culpado de violação do segredo bancário

Em leitura:

WikiLeaks: Elmer culpado de violação do segredo bancário

Tamanho do texto Aa Aa

A justiça suíça considerou, esta quarta-feira, Rudolf Elmer culpado de violação do segredo bancário e de coerção, e condenou-o a uma multa de cinco mil e 600 euros, suspensa por dois anos. A acusação pedia cerca de dois mil euros de multa e oito meses de prisão.

À porta do tribunal, um pequeno grupo do partido “Alternative Liste” de Zurique, apoiava o ex-bancário, antigo chefe de operações do banco Julius Baer nas Ilhas Caimão, que entregou ao WikiLeaks informações de 200 clientes que fugiram ao fisco.

Desde a última segunda-feira, Julian Assange, fundador do WikiLeaks, está em posse de dois CD com informação sobre clientes que terão defraudado o fisco.

Segundo Elmer, os nomes de vários artistas, empresários e políticos de todo o mundo figuram nessa lista.

O australiano afirmou que antes de publicar qualquer informação, o WikiLeaks vai confirmar todos os dados relativos à evasão fiscal.