Última hora

Última hora

Palestinianos zangados com a França

Em leitura:

Palestinianos zangados com a França

Tamanho do texto Aa Aa

A ministra francesa dos Negócios Estrangeiros mal recebida pelos palestinianos. Michele Alliot-Marie visitava um hospital na Faixa de Gaza e acabou por ser vaiada por um grupo de 30 pessoas. O carro oficial tinha já sido visado por manifestantes no norte da cidade.

O motivo da revolta foi uma declaração atribuída a Alliot-Marie, que antes de ir a Gaza visitou em Jerusalém os pais do soldado israelita Gilad Shalit, mantido refém desde 2006 pelo grupo radical Hamas.

O pai do soldado terá pedido à ministra que a França pressione a União Europeia para “condenar a prisão de Shalit como um crime de guerra”.

Os manifestantes gritavam que um Shalit não vale mais do que milhares de prisioneiros palestinianos detidos por Israel.

A chefe da diplomacia francesa começou uma viagem pelo Médio Oriente que, além de Israel, a levará também ao Egito e Jordânia.