Última hora

Última hora

"Próximo presidente português deverá evitar crise política"

Em leitura:

"Próximo presidente português deverá evitar crise política"

"Próximo presidente português deverá evitar crise política"
Tamanho do texto Aa Aa

Evitar uma crise política em plena crise económica. Esta terá de ser a prioridade do vencedor das presidenciais em Portugal, para o sociólogo Boaventura de Sousa Santos, entrevistado pelo enviado especial da Euronews, Michel dos Santos.

“Nós já estamos com a corda muito estendida e muito tensa neste momento. As quebras que vão aparecer neste final do mês nos salários das pessoas são muito significativas e portanto vão obrigar a mudança de hábitos”

Para o sociólogo é importante que o próximo chefe de Estado possa também contar com o apoio de uma Europa mais unida para resolver os problemas dos estados-membros em dificuldade, como Portugal.

“Nós somos o único país da Europa que, neste período conturbado de crise financeira vai passar por eleições presidenciais que podem eventualmente levar a eleições legislativas. E é importante que a classe política em Portugal tenha consciência que este não é um momento em que precisamos de grandes crises políticas. Na prática nós vemos mais é a desunião europeia. Nós temos visto, até agora, pode ser que as coisas mudem e estão a mudar, mas houve um momento de vertigem. Qualquer problema que aconteça num dos seus estados é um problema da Europa e não deve ser visto como apenas um problema dos povos latinos, dos países do sul”.