Última hora

Última hora

Irlanda: Cowen pressionado para convocar eleições depois de saída dos Verdes

Em leitura:

Irlanda: Cowen pressionado para convocar eleições depois de saída dos Verdes

Tamanho do texto Aa Aa

Na Irlanda, o governo de Brian Cowen está sob intensa pressão para convocar rapidamente eleições antecipadas.

Os Verdes anunciaram a saída da coligação com o Fianna Fail. O executivo perdeu assim a maioria parlamentar no culminar de uma semana de crise, marcada pela demissão em bloco de seis ministros e pelo anúncio de que o primeiro-ministro abandonava a direção do partido governante.

Michael Noonan, da formação opositora Fine Gael, defende que são necessárias eleições antecipadas “já que o executivo conta agora com um mínimo constitucional de sete ministros. O chefe do governo perdeu a confiança do parlamento e do próprio partido e isso é simplesmente intolerável”.

Cowen, que pretende respeitar a data que fixou para as eleições, a 11 de Março, disse que irá manter-se no cargo até à aprovação da Lei das Finanças, última etapa do duro orçamento para 2011, divulgado na sexta-feira.

Os principais partidos da oposição comprometeram-se com a rápida passagem da legislação no parlamento, em troca de um escrutínio antecipado que permita aos eleitores irlandeses afastar o impopular chefe do governo.