Última hora

Última hora

Governo libanês para breve

Em leitura:

Governo libanês para breve

Tamanho do texto Aa Aa

Um novo governo libanês pode estar para breve. O primeiro-ministro Najib Mikati vai começar, esta quinta-feira, as negociações com os diferentes grupos parlamentares.

Mas a nomeação de Mikati para primeiro-ministro continua a ser contestada. Sobretudo, pelo rival Saad Hariri, que não vê com bons olhos um chefe de executivo apoiado pelo Hezzbollah e já ameaçou boicotar qualquer governo apoiado pelo movimento xiita.

Esta quarta-feira, a calma voltou às ruas mas a população está dividida. “A situação vai continuar como está, nada vai mudar, o que já aconteceu acontecerá de novo. A situação vai ficar pior”, lamenta um cidadão. Outro, pelo contrário, está esperançado: “ [A nomeação de Mikati] é um bom compromisso para o Líbano, ouvimos o discurso de ontem e foi bom. Mostra que ele dará estabilidade para o futuro.”

Em cidades como Tripoli, o exército continua a patrulhar as ruas. E apesar de a calma ter regressado à cidade, depois das violentas manifestações de terça-feira, as escolas internacionais mantém ainda as portas fechadas.