Última hora

Última hora

Turistas correm para os aeroportos

Em leitura:

Turistas correm para os aeroportos

Tamanho do texto Aa Aa

O principal destino dos turistas no Egito por esta altura é o aeroporto. Apanhados no meio de uma sublevação popular, muitos estrangeiros tentam regressar aos países de origem.

Mas as tentativas são cada vez mais difíceis, já que as companhias aéreas estão a ser obrigadas a cancelar voos devido a vários motivos, como por exemplo o recolher obrigatório.

Mas há quem tenha a sorte de sair do país, como um turista acabado de chegar ao aeroporto de Barcelona. “Atuámos muito rapidamente, pedimos imediatamente que nos mudassem o voo e só víamos uma grande confusão. Todos queriam deixar o país, não havia voos, não havia bilhetes e não tínhamos informação. Também não havia internet e não podíamos telefonar à nossa família”, diz.

Em Londres, também alguns passageiros provenientes do Cairo começam a chegar, como um casal de australianos. “Não tivemos um dia nas pirâmides, não pudemos ir ao Cairo porque ninguém estava autorizado a deixar o aeroporto. Havia um cordão de segurança e ninguém podia deixá-lo. Dormimos no Burger King e foi horrível”, confessa a senhora.

O turismo é um dos principais setores da economia egípcia.