Última hora

Egito: Milhares respondem ao apelo da oposição

Em leitura:

Egito: Milhares respondem ao apelo da oposição

Tamanho do texto Aa Aa

No Cairo, a praça Tahrir é palco da maior manifestação contra o regime de Hosni Mubarak alguma vez realizada no Egito.

No auge dos protestos que começaram há uma semana, muitos milhares de pessoas responderam ao apelo da oposição para a “marcha de um milhão”.

Um Comité Nacional que integra a Irmandade Muçulmana, a maior força da oposição, a Associação Nacional para a Mudança, de Mohamed ElBaradei e vários partidos e individualidades, fez saber que não haverá negociações enquanto Mubarak não abdicar e sair do país.

Segundo ElBaradei, recentemente regressado do exílio para participar ativamente nos movimentos de contestação, Mubarak deverá partir antes de sexta-feira, para que não haja mais sangue derramado em terra egípcia. Uma alusão clara aos confrontos que já fizeram cerca de 300 mortos, segundo informações não confirmadas citadas pelas Nações Unidas.