Última hora

Última hora

Tunísia: Edifícios públicos são alvos de civis

Em leitura:

Tunísia: Edifícios públicos são alvos de civis

Tamanho do texto Aa Aa

A Tunisia tarda em encontrar a calma após a queda de Ben Ali.

Centenas de pessoas têm continuado a manifestar-se junto ao ministério do Interior. O edifício foi mesmo atacado na segunda-feira por cerca de duas mil pessoas.

O ministro fala de conspiração e anunciou a substituição de 34 altos responsáveis pela segurança. Entre os demitidos encontra-se o responsável pela segurança nacional.

´

Esta é, segundo o governo de transição, a primeira etapa do processo de renovação da polícia, das forças da ordem e dos serviços secretos do tempo de Ben Ali.

Na terça-feira, o exército foi obrigado a intervir para dispersar grupos de jovens que atacaram duas escolas em Cártago.

Outros incidentes do género foram registados em Kasserine, um forte local de contestação ao antigo regime, onde foram incendiados diversos edifícios administrativos.