Última hora

Última hora

Exército egípcio separa manifestantes na praça Tahrir

Em leitura:

Exército egípcio separa manifestantes na praça Tahrir

Tamanho do texto Aa Aa

O exército egípcio parece decidido a intervir para separar os manifestantes de campos opostos na praça Tahrir no Cairo.

Os militares criaram uma zona de separação entre manifestantes pró e anti Mubarak para evitar a repetição dos confrontos de ontem que provocaram quase uma dezena de mortos e mais de mil e quinhentos feridos.

Desde esta manhã que os partidários do presidente voltam a convergir para o centro da capital, ainda sob ocupação dos manifestantes anti-Mubarak.

O regime dá sinais de querer acalmar a tensão, o vice-presidente Omar Suleiman afirmou ter iniciado o diálogo com os partidos da oposição para formar um governo de união nacional.

Vários partidos afirmam no entanto que não vão participar nestas negociações. A irmandade muçulmana renovou esta manhã o ultimato para que Mubarak abandone o poder antes da nova manifestação marcada para amanhã na praça Tahrir.

Desde esta manhã que os militares começaram a realizar várias detenções, aparentemente de militantes pró-Mubarak armados com facas e bastões.