Última hora

Última hora

Danças e cânticos no centro do Cairo

Em leitura:

Danças e cânticos no centro do Cairo

Tamanho do texto Aa Aa

A Praça Tahrir não dorme há doze dias, por causa dos protestos contra o regime egípcio.
 
Sábado de manhã houve danças e cânticos,  num ambiente calmo, sem os confrontos verificados na quarta e na quinta-feira, quando manifestantes pró e anti-Mubarak se apedrejaram. Várias pessoas morreram. Centenas ficaram feridas.
 
Segundo o New York Times, o vice-presidente egípcio e os chefes do exército estão a examinar diversas hipóteses para limitar a autoridade de Mubarak e afastá-lo do palácio presidencial. Hipóteses que não preveem um apelo à retirada imediata do chefe de Estado, mas autorizam a formação de um Governo de transição liderado por Omar Souleiman. O actual vice-presidente negociará com personalidades da oposição alterações à constituição e outras reformas.
 
Mas parte dos manifestantes não reivindicam apenas o afastamento do presidente Mubarak, mas também dos seus aliados. Será que um Governo interino liderado pelo atual vice-presidente lhes agradará?