Última hora

Em leitura:

PSOE vê com cepticismo novo partido basco


Espanha

PSOE vê com cepticismo novo partido basco

Os separatistas bascos fundaram um novo partido político, considerado o sucessor Batasuna, ilegalizado desde 2003. O nome ainda não foi anunciado, será conhecido esta terça-feira.

Os fundadores rejeitam qualquer género de violência para ganhos políticos. Mas muitos políticos veem com ceticismo os fundamentos do novo partido basco. O porta-voz do PSOE é um deles. “É uma decisão importante mas nós acreditamos que a democracia tem que ser muito severa com estes grupos e acreditamos que essas opiniões ou estatutos não serão suficientes depois de 25 anos a apoiarem a violência”, declarou Marcelino Iglesias.

Em 40 anos de luta violenta pela independência do país basco, a ETA provocou a morte a 829 pessoas.

Nos últimos tempos, a organização basca sofreu duros golpes, com dezenas de detenções. A dez de janeiro, o grupo armado anunciou um “cessar-fogo permanente e geral” e desde agosto de 2009 que não comete nenhum atentado.

Há pontos de vista diferentes para cada história: a Euronews conta com jornalistas do mundo inteiro para oferecer uma perspetiva local num contexto global. Conheça a atualidade tal como as outras línguas do nosso canal a apresentam.

Artigo seguinte

mundo

Chamas ensombram carnaval do Rio