Última hora

Última hora

Confrontos nas ruas da capital do Iémen

Em leitura:

Confrontos nas ruas da capital do Iémen

Tamanho do texto Aa Aa

As ruas de Saná presenciaram manifestações antigovernamentais pelo quinto dia consecutivo.

O protesto terminou em confrontos com partidários do presidente do Iémen, Ali Abdullah Salleh.

Os manifestantes, cerca de um milhar, tentaram alcançar o palácio presidencial mas foram impedidos pela polícia. Em seguida foram agredidos por fiéis ao regime. “Estamos a ser atacados por esta gente e a polícia não faz nada. Pelo contrário, encoraja a violência” acusa este manifestante antigovernamental.

Há registo de alguns ferimentos ligeiros, nomeadamente cabeças partidas em virtude do lançamento de pedras e das bastonadas entre os dois grupos. Um apoiante do presidente diz que vai permanecer “fiel à liderança” do país e que rejeita qualquer tentativa para “destruir o Iémen”.

As manifestações duram há algumas semanas mas cresceram de intensidade na sexta-feira. O país enfrenta diversos focos de instabilidade; ideias independentistas no Sul, uma rebelião xiita no Norte e a Al-Qaida.