Última hora

Última hora

Bernanke defende reforma financeira nos EUA

Em leitura:

Bernanke defende reforma financeira nos EUA

Tamanho do texto Aa Aa

O presidente da Reserva Federal norte-americana, Ben Bernanke, afirmou esta quinta-feira, que a reforma financeira é um grande passo para proteger a economia dos Estados Unidos.

Perante o comité da banca do Senado, Bernanke mostrou-se favorável à Lei Dodd-Frank, que engloba a reforma do sistema financeiro e garante uma melhor regulamentação financeira do país.

Garantiu ainda a total disponibilidade da Reserva Federal para trabalhar com os órgãos reguladores, Congresso e com a administração do presidente Barack Obama, de forma a garantir que a lei seja implementada.

Um dos pontos mais importantes da lei Dodd-Frank, para Bernanke, é o desenvolvimento de regras mais rigorosas para todos os grandes bancos. Além das regras de capital e liquidez, os padrões, segundo o presidente da instituição, incluem testes de stresse, novos limites ao crédito e regras para a gestão de riscos.

O governo anunciou, esta quinta-feira, que o custo de vida aumentou nos Estados Unidos.

Os preços subiram 0,4 % em janeiro, pelo segundo mês consecutivo.

O departamento do trabalho anunciou ainda que os pedidos de subsídio de desemprego aumentaram em 25 000 na semana passada.

A maior economia mundial mostra assim sinais de lenta recuperação.