Última hora

Última hora

Tensão cresce na Líbia

Em leitura:

Tensão cresce na Líbia

Tamanho do texto Aa Aa

Os habitantes de Benghazy acusam as forças de segurança de dispararem para o ar com o objetivo de dispersar a multidão.

A Human Rights Watch, afirma que já morreram pelo menos oitenta pessoas.

Segundo esta organização de defesa dos direitos humanos, 35 destas vitimas eram de Benghazy, localidade situada a mais de 1000 quilómetros da capital.

É aqui que se concentra o principal foco de manifestações contra Muammar Kadhafi.

Apesar de escassas, as informações que vão chegando dão conta de que nesta cidade a eletricidade foi cortada.

Os protestos estendem-se a outras cidades do leste do país.

Em Tripoli, reina uma aparente calma. É aqui que estão concentrados os apoiantes do regime.