Última hora

Última hora

Nova Zelândia luta contra o tempo

Em leitura:

Nova Zelândia luta contra o tempo

Tamanho do texto Aa Aa

Numa corrida contra o tempo, as forças de resgate tentam encontrar pessoas com vida naquilo que antes eram edifícios e que agora não passam de escombros. A cidade chama-se Christchurch, na Nova Zelândia, devastada por um terramoto.

E há também perigos à espreita para quem tenta ajudar o próximo. O maior hotel da cidade pode desmoronar a qualquer momento. As autoridades evacuaram um perímetro de quatro quarteirões.

O sismo abalou a região na terça-feira e teve uma magnitude de 6,3 graus na escala de Richter naquela que é a segunda maior cidade do país.

Até agora estão confirmados 75 mortos, mas as autoridades estimam que o balanço será bastante superior. Estão dadas como desaparecidas pelo menos 300 pessoas.

As autoridades mobilizam todos os recursos disponíveis. Do exterior chega também auxílio, como do Japão, de onde já partiu equipa de resgate.