Última hora

Última hora

Assange reage ao pedido de extradição

Em leitura:

Assange reage ao pedido de extradição

Tamanho do texto Aa Aa

Julian Assange já reagiu a decisão do tribunal britânico de dar provimento ao pedido de extradição para a Suécia onde é procurado para ser interrogado.

A decisão foi favorável à procuradoria sueca que pretende questioná-lo sobre crimes sexuais sobre as duas mulheres queixosas.

Assange dúvida da justiça da decisão. “Porque estou eu em prisão domiciliária quando ainda nem sequer fui acusado por qualquer país? Este caso não é apenas sobre mim, não é apenas sobre a pressão que os Estados Unidos exercem sobre a Suécia e o Reino Unido e nos média. Há pelo menos uma esperança de reforma do sistema de mandado de detenção europeu da União Europeia”, disse Assange.

A defesa receia que Assange possa ser mais tarde extraditado para os Estados Unidos e posteriormente executado, por ter divulgado milhares de documentos americanos confidenciais.

A procuradoria sueca ainda não reagiu.