Última hora

Última hora

Manifestações multitudinárias alastram-se pelo mundo árabe

Em leitura:

Manifestações multitudinárias alastram-se pelo mundo árabe

Tamanho do texto Aa Aa

Os gritos de contestação contra os regimes autocráticos propagam-se pelo mundo árabe.

Na capital do Iémen, dezenas de milhares de pessoas participaram numa oração coletiva junto à Universidade de Saná, epicentro dos protestos pela queda do presidente Ali Abdallah Saleh. Os manifestantes recusam o diálogo com o governo e outra solução que não seja o fim do regime.

Apesar da queda de Hosni Mubarak, os egípcios mantêm a mobilização e voltaram a reunir-se na já mítica Praça Tahrir do Cairo.

A multidão exigia mudanças reais e um novo governo. Apesar da algumas figuras da oposição e independentes integrarem o executivo que entrou esta semana em funções, a maioria dos ministros pertence ao antigo regime.

Respondendo ao apelo de líderes religiosos xiitas, dezenas de milhares de manifestantes invadiram esta sexta-feira as ruas de Manamá, para exigir novamente reformas políticas no Bahrein.

A forte mobilização coincidiu com o apoio renovado dos Estados Unidos à dinastia sunita que dirige o pequeno reino e à oferta de diálogo nacional feita à oposição.

Também na capital da Jordânia, Amã, milhares de pessoas desfilaram para pedir “reformas constitucionais”.

Rodrigo Barbosa