Última hora

Última hora

Primeiro-ministro da Tunísia demite-se

Em leitura:

Primeiro-ministro da Tunísia demite-se

Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro da Tunísia anunciou a demissão ao fim de vários dias de protestos e violência na capital do país.

Acusado por algumas vozes críticas de ser demasiado próximo do anterior regime, Mohamed Ghannouchi anunciou que não será “o primeiro-ministro da repressão.”

Ghannouchi assumiu um Governo de transição após a queda, a 14 de Janeiro, do Presidente Ben Ali.

Os confrontos ocorridos desde sexta-feira no centro de Tunis, que envolveram polícias e manifestantes, provocaram pelo menos três mortos e dezenas de feridos.

Já este domingo foram registados novos focos de tensão na capital tunisina.