Última hora

Última hora

Costa do Marfim: mulheres mortas em protesto anti-Gbagbo

Em leitura:

Costa do Marfim: mulheres mortas em protesto anti-Gbagbo

Tamanho do texto Aa Aa

A oposição a Laurent Gbagbo pede vingança depois da morte de sete mulheres num subúrbio de Abidjan pela mão das forças leais ao presidente cessante da Costa do Marfim.
 
As vítimas foram alvo de disparos do Exército enquanto participavam numa marcha de protesto contra a recusa de Gbagbo em reconhecer a derrota nas eleições de Novembro.
 
A crise política instalada na Costa do Marfim não dá sinais de abrandamento e já provocou a morte a cerca de 400 pessoas.
 
Grande parte das vítimas são apoiantes de Alassane Ouattara, reconhecido pela comunidade internacional como justo vencedor das eleições.