Última hora

Última hora

Líbia: Zawiyah sob ataque

Em leitura:

Líbia: Zawiyah sob ataque

Tamanho do texto Aa Aa

Os confrontos continuam na cidade de Zawiyah, a 50 quilómetros a oeste de Trípoli, na Líbia,

As forças de leais a Muammar Kadhafi invadiram a cidade, durante a noite de sexta-feira, com tanques militares e artilharia pesada, disparando indiscriminadamente sobre a população.

Um coordenador da oposição, Souleiman Kourayem, faz um relato à Euronews da situação em Zawiyah: “Durante a madrugada a cidade foi atingida por mísseis e sofreu também uma ofensiva terrestre suportada por tanques militares. A Praça dos Mártires foi incendiada assim como os bairros em redor. O ataque causou mais de 500 mortos e centenas de feridos. É um verdadeiro massacre.”

A televisão Al Jazeera, citando os dissidentes, afirma que esta primeira ofensiva das forças do regime falhou e que Muammar Kadhafi terá enviado reforços para conquistar e controlar a cidade.

Zawiyah está cercada e o exército tem vários pontos do controlo, a cerca de 3 quilómetros do centro da cidade.

Depois de duas semanas de confrontos contra o regime de Kadhafi, há quatro décadas no poder, a Líbia é um país divido.

A parte ocidental controlada pelas forças do regime, com Trípoli como base e o Leste controlado pelos rebeldes, sendo Bengasi o principal bastião.

Os insurgentes avançaram, esta sexta-feira, para o porto petrolífero de Ras Lanuf.

A ofensiva rebelde contra a cidade recebeu reforços de Ajdabiya de onde partiam dezenas de veículos com homens armados com Kalashnikov, baterias antiaéreas e artilharia pesada.

Apesar de mais mal preparados as forças dissidentes derrotaram o exército de Kadhafi e tomaram controlo de Ras Lanuf, continuando a demanda para o Oeste da Líbia em direção à capital, Trípoli.