Última hora

Última hora

Líbia: Rebeldes recuam na conquista do Oeste

Em leitura:

Líbia: Rebeldes recuam na conquista do Oeste

Tamanho do texto Aa Aa

A contraofensiva das forças leais a Muammar Kadhafi obrigou os revoltosos a recuar na conquista do oeste. Os opositores ao regime controlavam desde sábado Ben Jawad e tinham o objetivo de chegar a Sirte, a apenas uma centena de quilómetros e um dos bastiões do coronel.

A força aérea do regime surpreendeu os rebeldes com ataques e estes recuaram para Ras Lanuf. Ainda que a televisão pública tenha dito que esta cidade está nas mãos do governo, vários jornalistas no local desmentem.

A partir de Ras Lanuf, a repórter Francesca Cicardi conta: “Continuam a chegar os feridos da batalha de Ben Jawad. Segundo os testemunhos dos rebeldes que vêm de Ben Jawad, havia atiradores nos telhados que disparavam sobre toda a gente, incluindo mulheres e crianças. Os rebeldes chegam feridos mas armados e a fazer o V de Vitória. Em Ras Lanuf há uma recolha de armas e de homens apesar dos ataques repetidos dos aviões de Kadhafi que, mais uma vez, não atingiram nenhum dos objetivos. A intenção parece ser assustar, causar medo, mas os rebeldes insistem que vão continuar até Sirte e que vão acabar com Kadhafi”.

O moral é a arma mais potente face ao desequilíbrio de forças. Apesar de mal preparados para o combate, os opositores de Kadhafi dizem ter abatido um jato de caça do regime. Para o provar, mostram o corpo de um dos pilotos e os destroços do aparelho.