Última hora

Última hora

Egito: Confrontos na praça Tahrir

Em leitura:

Egito: Confrontos na praça Tahrir

Tamanho do texto Aa Aa

A praça Tahrir, no Cairo, transformou-se esta quarta-feira num campo de batalha. Centenas de manifestantes foram atacados por apoiantes do ex-presidente Hosni Mubarak.

De acordo com a televisão egípcia, os atacantes utilizaram facas e pedras para tentarem desalojar a multidão que ocupa a praça desde Janeiro.

Para além dos dois carros de combate do exército que protegem o museu nacional, não há mais forças de segurança no local.

Os confrontos eclodiram no dia em que o novo governo reuniu com o conselho supremo das forças armadas para propôr uma lei que criminalise a incitação ao ódio.

O Egito passa por um período de forte insegurança, desde que as forças da ordem abandonaram as ruas. Ontem, os confrontos entre as comunidades muçulmana e cristã copta deixaram uma dezena de mortos e mais de uma centena de feridos.