Última hora

Última hora

"Pacto de competitividade" de Merkel e Sarkozy em discussão

Em leitura:

"Pacto de competitividade" de Merkel e Sarkozy em discussão

Tamanho do texto Aa Aa

Os líderes da União Europeia reúnem-se esta sexta-feira de manhã, em Bruxelas, numa cimeira extraordinária para debater a crise na Líbia.

À tarde os 17 países da zona Euro debatem a crise das dívidas soberanas.

“O pacto de competitividade” de Angela Merkel e Nicolas Sarkozy está em cima da mesa. O fim da indexação entre os salários e inflação, praticado em alguns países como Portugal, causou já protestos.

Esta medida é praticada na Bélgica, e os seus habitantes querem que continue como mostra esta professora que diz que em “janeiro houve um aumento do índice e por teve um aumento de 1,5 por cento, o que não é de desprezar. O salário de professora é fixo e aumenta a cada dois anos. Quando se fazem horas extraordinárias, não se recebe qualquer tipo de bónus.”

Outro dos assuntos que promete causar conflito, e que quase todos os membros do euro já recusaram, é a obrigação de inscrição na respetiva Constituição de um travão ao endividamento, como acontece na Alemanha. Esta seria, talvez, a única proposta que levantaria problemas a Portugal.