Última hora

Última hora

Japão: dez mil pessoas desaparecidas numa só cidade

Em leitura:

Japão: dez mil pessoas desaparecidas numa só cidade

Tamanho do texto Aa Aa

O cenário é de destruição. O sismo e o tsunami no Japão fizeram pelo menos mil e trezentos mortos, de acordo com os media nipónicos. Mas a este número junta-se a descoberta pelo exército de 300 a 400 cadáveres na cidade costeira de Rikuzentakata. Há ainda dez mil habitantes de Minamisanriku que estão desaparecidos, ou seja, mais de metade da população desta cidade varrida pelo tsunami.
 
Este sábado, o primeiro-ministro Naoto Kan qualificou o sismo e o tsunami como “um desastre nacional sem precedentes”.
 
O terramoto de ontem de magnitude 8,9 na escala de Richter é o mais violento de sempre no país e
foi seguido de vagas de dez metros que arrasaram a zona costeira da região de Sendai. Mais a sul, a província vizinha de Fukushima também foi atingida por ondas de sete metros.
 
O que não foi destruído pela água, não foi poupado pelo fogo. Dezenas de incêndios foram registados em várias cidades.