Última hora

Última hora

Confirmada a fuga radioativa em Fukushima

Em leitura:

Confirmada a fuga radioativa em Fukushima

Tamanho do texto Aa Aa

Já é oficial. Há fuga radioativa na central nuclear de Fukushima Daichi. Não há informações concretas sobre a origem da fuga, mas os reatores que parecem apresentar maiores riscos são o dois e o quatro.

No número dois terão sido detetadas fissuras no invólucro do próprio reator, no número quatro constatam-se duas brechas de cerca de oito metros nas paredes exteriores do edifício.

A fuga foi confirmada pela Agência Internacional de Energia Atómica (AIEA), num momento em que as autoridades nipónicas falam de sobreaquecimento nos reatores cinco e seis, que até agora não tinham sido postos em causa.

A Tepco, companhia de eletricidade do Japão, continua a tentar refrigerar os reatores mas fez sair do recinto todo o pessoal não essencial.

Os níveis de radiação em redor da central de Fukushima atingem agora valores muito perigosos para a saúde. Os ventos estão a afastar a nuvem radioativa do território japonês.