Última hora

Última hora

Imperador pede união aos japoneses

Em leitura:

Imperador pede união aos japoneses

Tamanho do texto Aa Aa

No meio de uma crise nuclear e humanitária sem precedentes, o imperador do Japão rompeu o silêncio que o carateriza.

Num discurso ao país, através da televisão, Akihito mostrou-se profundamente preocupado com a situação; manifestou o desejo de que as equipas de socorro possam ajudar o maior número de pessoas possível e pediu aos japoneses que se mantenham unidos e não percam a esperança.

É a primeira vez que o imperador Akihito aparece profere um discurso na televisão desde que sucedeu ao seu pai em 1989.

No Japão, o imperador é o símbolo da nação e da unidade do povo. A sua função é meramente honorífica.