Última hora

Última hora

Japão: longas filas para tentar aceder a bens essenciais nas zonas devastadas

Em leitura:

Japão: longas filas para tentar aceder a bens essenciais nas zonas devastadas

Tamanho do texto Aa Aa

A população japonesa, no nordeste do país, enfrenta uma crescente falta de água, alimentos, energia elétrica e combustíveis, tanto para as viaturas como para combater as baixas temperaturas.

Os residentes da cidade de Yamagata esperam pacientemente durante horas em longas filas para tentar aceder aos bens essenciais.

Uma mulher explica que “não tem gás, eletricidade ou qualquer combustível para aquecimento. Não tem nada em casa e, para sobreviver, tem de esperar o tempo que for necessário”.

Em muitos lugares, assiste-se a um racionamento. Quem tem essa opção, tenta apanhar um autocarro para sair das áreas devastadas do país, sobre as quais paira agora a ameaça de um desastre nuclear.

Com perto de um milhão de casas sem eletricidade no norte do país, a hipotermia representa um perigo real quando os termómetros alcançam os cinco graus negativos.