Última hora

Última hora

Kadahfi exibe "membro" da Al Qaida

Em leitura:

Kadahfi exibe "membro" da Al Qaida

Tamanho do texto Aa Aa

Abu Obah foi apresentado aos media estrangeiros pelo regime de Muammar Kadhafi como uma prova do envolvimento da Al Qaida na rebelião popular que assola o país.

Feito prisioneiro em Zawiyah, Abu Obah nas declarações que fez, traduzidas para os jornalistas, contou uma história algo diferente no que respeita à sua ligação ao grupo terrorista de Bin Laden: “Não sou membro da Al Qaida. Sou membro do Grupo de Luta Líbio Islâmico. Todos sabemos que faz parte da história o facto de o Grupo de Luta Líbio Islâmico ter durante algum tempo pertencido à Al Qaida, sob o comando de Abu Al-Laith, o líbio”.

Abu Obah diz ter vivido dez anos na cidade de Manchester no Reino Unido participando ativamente na recolha de fundos para o Grupo de Luta Líbio Islâmico.

Em Manchester, segundo um canal de televisão britânico, a mulher afirma que ele nunca esteve envolvido com terroristas.

Em Tripoli, Riad Muasses da Euronews conclui:

“Contudo, uma nova questão emerge: como surge a Al Qaida envolvida na Líbia, e não apareceu na Tunísia e no Egito?”