Última hora

Última hora

Cidadãos europeus aconselhados a deixar o Japão

Em leitura:

Cidadãos europeus aconselhados a deixar o Japão

Tamanho do texto Aa Aa

Portugal e vários estados-membros da União Europeia estão a aconselhar os cidadãos residentes no Japão a deixar o país.

O alerta surge numa altura em que aumenta o receio de uma catástrofe nuclear.

Nos aeroportos de Tóquio, o movimento é grande.

Residentes e turistas preferem não arriscar:

“No início pensei ir para oeste, mas como o governo francês está a oferecer as viagens para sermos repatriados, decidir partir” afirma um francês.

“Vou embora mais cedo porque estou preocupada.

Neste momento, não sei como está a evoluir a situação, sei apenas que está sempre a mudar” adianta uma norte-americana.

“Esperamos que o governo e os especialistas façam o que for possível para evitar o pior e que resolvam a situação o quanto antes” conclui uma russa.

Coreia do Sul e Taiwan são alguns dos destinos mais procurados. Nesta ilha, foram detetados níveis de radiação superiores ao normal em 25 passageiros oriundos do Japão. Níveis que segundo as autoridades não afetam a saúde.