Última hora

Última hora

Japão continua a lutar contra a catástrofe nuclear

Em leitura:

Japão continua a lutar contra a catástrofe nuclear

Tamanho do texto Aa Aa

Mais de 130 bombeiros foram enviados para a central nuclear japonesa de Fukushima Daiichi, apoiados por camiões com canhões de água. O objetivo é continuar as operações de refrigeração dos reatores.

Entretanto, a agência japonesa de segurança nuclear anunciou que espera restabelecer a eletricidade nos reatores número 3 e 4 até domingo. Já a companhia que explora a central (TEPCO) espera restabelecer a corrente em todos os reatores até ao fim do dia.

Hoje, continuava a ser expulso fumo branco dos reatores, ainda que esta quinta-feira um responsável da Agência Internacional de Energia Atómica tenha dito que a situação é grave mas não piorou. Helicópteros voltaram a largar água sobre o reator número 3 para arrefecer as barras de combustível.

De acordo com o último balanço da polícia, o sismo e o tsunami da semana passada podem ter feito mais de 16 mil mortos, já que há seis mil mortos confirmados e o número de desaparecidos ultrapassa os dez mil.

Os sobreviventes enfrentam agora mais um problema. No norte do Japão, 850 mil casas continuam sem eletricidade e as temperaturas são muito baixas. 25 pessoas não resistiram ao frio.