Última hora

Última hora

Japão: mais de 20 mil mortos e desaparecidos

Em leitura:

Japão: mais de 20 mil mortos e desaparecidos

Tamanho do texto Aa Aa

O sismo e o tsunami de 11 de março no Japão podem ter feito mais de 20 mil mortos. O último balanço oficial aponta para acima de oito mil vítimas mortais e 12 mil desaparecidos. Valores que podem estar longe da fatídica realidade já que uma vasta região da ilha de Honshu foi completamente devastada.

A corrida contra o tempo continua na central de Fukushima. Seis funcionários foram expostos a elevados níveis de radiatividade, mas continuam a trabalhar contra a ameaça nuclear. As autoridades intensificaram o lançamento de água para os reatores. Os bombeiros que o fazem são vistos como heróis.

“Perguntou-me o que era mais difícil. São os meus bombeiros….”, declara um dos bombeiros de Tóquio. “Os meus bombeiros têm um enorme nível de motivação e trabalham imenso”, completa, após um enorme silêncio.

Perto de Fukushima, foram detetados níveis de radioatividade anormais no leite e em espinafres. Em Tóquio e nos seus arredores foram encontrados vestígios de iodo radioactivo e césio na água. A população teme, agora, que a chuva prevista para hoje seja radioativa.